Saúde

Samu 192 – Trote é Crime


O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) é um importante instrumento para a rede pública de saúde, uma vez que as equipes tem agilidade e eficiência no atendimento de situações graves. No entanto, este trabalho pode ser prejudicado, caso o principal canal de acionamento das equipes, o telefone 192, seja utilizado de maneira incorreta ou criminosa. Passar trotes para o Samu é crime, previsto no artigo 266 do Código Penal Brasileiro, com pena de detenção e multa. Além de atrapalhar o trabalho dos socorristas que, muitas vezes, se deslocam para atender um falso chamado, a ação atrasa o atendimento a um paciente que realmente aguarda por socorro, o que pode ser fatal. A Prefeitura de Aiuruoca, por meio da Secretaria de Saúde, alerta a população para os riscos dos trotes e orienta sobre as situações em que o Samu pode ser acionado.

“O trote prejudica o trabalho do Samu, que é salvar vidas, ou seja, quando se passa um trote, alguém deixa de ser socorrido ou atrasa um socorro a ser prestado. Por isso, é importante que as pessoas respeitem, compreendam o serviço e zelem por sua manutenção e assistência”, comenta Érlisson Vitor Lopes, secretário de Saúde de Aiuruoca.