Turismo

Sucesso: I Auê de Inverno


Nesse último final de semana, entre os dias 28 e 30 de julho, aconteceu o I Auê de Inverno de Aiuruoca, na Praça Monsenhor Nagel e foi totalmente aberta ao público.
O evento organizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental, que também abrange a pasta do turismo, vem no sentido de fomentar os cenários econômico e turístico do município, oferecendo ao turista e ao munícipe uma nova atração no calendário de eventos de Aiuruoca.
A abertura do I Auê de Inverno, no dia 28, ficou por conta da banda “Só Parênt”, com estilo forregae de Juiz de Fora, que abrilhantou a noite e fez todos dançarem, logo depois entrou a banda “Zé Virgílio, de Lima Duarte que trouxe um repertório super agradável da MPB. No dia 29, sábado, o casal Anariel e Júlio, moradores de Aiuruoca, abriram a noite com muita suavidade também no estilo MPB e, por fim, o fechamento ficou com a super dançante banda “Samuca e a Selva, do ABC paulista, que arrancou aplausos para o grupo de 12 músicos, entre metais, cordas, percussão e um vocalista com enorme presença de palco. As principais bandas, Só Parênt e Samuca e a Selva se enveredam pelo cenário da música autoral e esse foi um aspecto que o “Auê” pretendeu valorizar, e deu certo!
As noites contaram também com comidinhas super especiais, entre crepes francesas, pastel de truta defumada, caldos e porções apetitosas, e, ainda, com um chopp artesanal e drinks com cachaça de Aiuruoca.
Fundamental também foi a presença dos munícipes ao evento e daqueles que vieram prestigiar e desfrutar do último final de semana de férias na cidade! O I Auê de Inverno veio a calhar para espantar as noites de frio!
O Auê continuou no domingo com a primeira edição da Feira da Agricultura Familiar e Artesanatos que foi um sucesso. A feira é uma iniciativa da sociedade civil organizada com apoio da SEDESA e da Prefeitura Municipal de Aiuruoca e vem no sentido de apoiar os pequenos produtores e o comércio local, levando ao público aquilo que é artesanal, orgânico e produzido nesta terra!
Com a mobilização de diversos agricultores e artesãos da região de Aiuruoca, o principal objetivo de incentivar a sustentabilidade por meio da comercialização justa e direta dos produtos oriundos da agricultura familiar. Também pretende valorizar produtos e serviços de base agroecológica procurando assim, propor novos hábitos de consumo, maior interação social entre as comunidades por meio da arte e da gastronomia, reforçado ainda mais os traços da identidade cultural.
A 1ª edição contou com produtores de diferentes bairros do município e visa ampliar ainda mais a representatividade e participação de produtores rurais de Aiuruoca no decorrer das próximas edições da feira. E a próxima já está marcada, acontece no dia 13 de agosto, domingo, das 9:00 às 13:00 no mesmo local, durante a Festa da Cidade de 311 anos, se preparem!
A comunidade local e diversos visitantes puderam prestigiar tal novidade, que vem sendo planejada desde abril de 2017. A iniciativa deu através de produtores diversos que manifestaram ao Poder Executivo Municipal, a importância social e econômica que feira poderá causar na cidade. A Prefeitura de Aiuruoca se sensibilizou e contribuiu com a aquisição das barracas bem como o direcionamento das inscrições e a comunicação geral entre os feirantes.
Durante a feira inaugural, havia grande variedade de produtos, entre eles o artesanato em gesso, materiais recicláveis, milho verde, diferentes tipos de mel e queijos, artefatos de madeira e costura, quitandas da cozinha mineira, cogumelos desidratados, doces e até massagem rápida. Foram documentados em áudio visual pela ONG Broto Brasilis, depoimentos dos feirantes e representantes do movimento para a criação de um vídeo promocional que será veiculado antes próxima edição da Feira.
A Prefeitura de Aiuruoca acredita que a esta feira poderá ser um forte mecanismo de favorecimento ao desenvolvimento social e econômico, além de ressignificar o turismo rural que é uma das principais atividades econômicas do município. Acreditamos que a Feira da Agricultura Familiar trará incentivo aos produtores rurais a se empreenderem cada vez mais, além de descobrir novos talentos do artesanato e da gastronomia.
Os produtores que tiverem interesse de obter maiores informações sobre a Feira Da agricultura Familiar e Artesanato, devem procurar pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental na Rua Felipe Senador, nº 1300, ou pelo telefone (35) 3344 1924.